Notícias

Tendinite: o que é, causas e prevenção

17/05/2019

A tendinite é a inflamação de um ou mais tendões que provoca inchaço e dores. É um problema bastante comum, que pode ter diversas causas e costuma atingir principalmente os ombros, braços e punhos, podendo também atingir outras partes do corpo.

Os tendões não são tão fortes quanto os ossos e elástico como os músculos, então em caso de excesso de peso nas articulações, pode gerar inflamação e dor. Ainda que a tendinite possa ser causada por uma lesão instantânea, na maior parte dos casos ela aparece após a repetição de um exercício específico sem o alongamento muscular adequado.

As principais causas da tendinite são:
- Falta de alongamento e flexibilidade de algum grupo muscular (sobrecarregando o tendão);
- Falta de aquecimento antes da prática de atividades físicas;
- Excesso de movimentos repetitivos, tanto no trabalho quanto em exercícios;
- Neuropatias que conduzem a alterações musculares;
- Alterações na estabilidade das articulações;
- Alterações na postura corporal (ombros anteriorizados diminuem o espaço destinado ao deslizamento dos tendões que movimentam o ombro, causando atrito e lesão dos mesmos);
- Sobrecarga nos treinamentos;
- Uso de calçados inadequados;
- Traumatismos;
- Estresse (ocasionam contraturas musculares e fadiga prejudicando os tendões).

Sinais da tendinite: Presença de dor no local, que pode irradiar para toda musculatura ao redor, e acaba entrando em espasmo de proteção e fadiga com sensação de peso. O acometimento provoca inflamação, sensibilidade e dor na articulação afetada, onde a dor piora ao longo do tempo com movimentos repetitivos, que pode acarretar a diminuição da força do músculo. Alguns casos se desenvolvem com incômodo súbito e outros com crônico – o qual dura semanas ou meses.

A maioria dos casos de tendinite se resolve em alguns dias com o repouso da área afetada, mas o ideal é procurar um médico. Ele buscará por sinais de dor e sensibilidade nos locais indicados pelo paciente, existem testes físicos específicos para cada tipo de tendão. Pode ser também que o médico solicite algum exame de imagem para certificar-se do diagnóstico e avaliar o grau de inflamação.

Existem algumas medidas simples que podem prevenir a tendinite:

- No trabalho, evite passar muito tempo na mesma posição, levante-se frequentemente da cadeira para descansar a coluna e movimentar as pernas;
- Realize alongamentos musculares e mobilizações articulares nos punhos, antebraços, braços, ombros e pescoço;
- Procure cadeiras que oferecem apoios para os braços;
- Não apoie o telefone nos ombros.
- Ao sentar, deixe os pés apoiados no chão, joelhos com ângulo de 90 graus, quadril bem apoiado na cadeira e apoio para as costas e braços adequados à altura da pessoa.
- Realizar exercícios físicos regularmente ajuda a manter o corpo resistente e forte para suportar as posições de trabalho mais prejudiciais ao corpo e evitar lesões sérias que possam comprometer a qualidade do trabalho e a saúde do trabalhador.

VOLTAR


Visualizar PDF

 

FRILAB Medicina Laboratorial

Centro

Travessa São João, 8 - Centro - Nova Friburgo - RJ
Telefone: (22) 2523-2223

Horário de funcionamento:

Segunda a Sexta-feira de 07:00 às 17:00

Coleta 07:00 às 10:00.

** Sábado de 07:00 às 12:00 com coleta até às 10:00

Olaria

Praça 1º de Maio, 08 - Olaria - Nova Friburgo - RJ
Telefone: (22) 2523-7464

Horário de funcionamento:

Segunda a Sexta-feira de 07:00 às 11:00 e 13:00 às 17:00.

Coleta 07:00 às 10:00

Facebook Instagram